SEB Completa 70 Anos

No dia 25 de junho a Sociedade Evangélica Beneficente de Curitiba – SEB, mantenedora do Hospital Universitário Evangélico de Curitiba – HUEC, da Faculdade Evangélica do Paraná- FEPAR e do Centro de Educação Profissional Evangélico- CEPE, comemorou 70 anos de fundação com um jantar realizado na Associação Médica do Paraná.

O encontro contou com a presença do prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, do secretário de saúde, Adriano Massuda, secretário-chefe da Casa Civil do Estado do Paraná, Reinhold Stephanes, representando o presidente da Assembleia Legislativa do Paraná o deputado estadual Ney Leprevost, vereador Jorge Bernardi, presidentes das igrejas associadas, diretores e coordenadores do Hospital Evangélico, Centro de Educação e Faculdade Evangélica do Paraná.

Durante a cerimônia de abertura as autoridades mostraram apoio à instituição e destacaram a tradição e importância da SEB para os curitibanos pela dedicação ao próximo nas áreas da saúde e da educação no Estado do Paraná. Fruet lembrou que seu pai e seu avô também fizeram parte da história da SEB, pois sua família participou das arrecadações para construção do Hospital Evangélico.

O presidente da SEB, João Jaime Nunes Ferreira, parabenizou a todos os que fazem parte da sociedade e salientou que comemorar 70 anos significa mais uma vitória. “Enfrentamos enormes dificuldades hoje, mas, com a benção de Deus, não arrefecemos, inspirados em todos aqueles que, ao longo de tantos anos, enfrentaram as intempéries com destemor, com arrojo, audácia, coragem, com amor, paixão, mas, principalmente, com muita fé em nosso Senhor”, ressalta.

Os presidentes das igrejas associadas foram homenageados pela SEB pela história de trabalho e atuação em causas beneficentes sem perder a essência da missão de 70 anos atrás.

Culto dos 70 anos

A SEB realizou também um culto na Capela do HUEC, no dia do seu septuagésimo aniversário, 25 de junho. Na ocasião estiveram presentes colaboradores do Hospital Evangélico, da Faculdade Evangélica, Centro de Educação, pastores das igrejas associadas e amigos. Após a cerimônia foi apresentada a nova linha do tempo, que conta a história da SEB, no saguão principal do Hospital.