A Instituição

Hospital Evangélico faz evento de conscientização de doação de órgãos

  • Imprimir

 

HUEC abre semana nacional para doação de órgãos e tecidos para transplantes

 

A Comissão Intra-hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para transplante (CIHDOTT) do Hospital Universitário Evangélico de Curitiba - HUEC realizou, no dia 26 setembro, culto para a abertura da semana de conscientização de doação de órgãos.

O diretor-geral do Hospital Evangélico, Jurandir Marcondes Ribas Filho, chamou a atenção para a referência que o HUEC tem em transplante renal e o quão a missão da CIHDOTT é difícil e importante. “Temos uma equipe muita preparada para realizar captação e transplante de órgãos. O trabalho desenvolvido por esta equipe vem amenizando a situação da fila de espera dos pacientes que almejam o transplante de órgão para continuar vivendo”, comenta Jurandir.

Na ocasião também esteve presente a diretora da Central Estadual de Transplantes do Paraná, Dra. Arlene Terezinha Badoch, que parabenizou a equipe da CIHDOTT pela iniciativa de enfatizar a semana de conscientização, pois trata-se de um tema que precisa de muita atenção e é de extrema importância.

O Diretor da Unidade de Terapia Intensiva Geral e membro da Comissão Intra-hospitalar, Dr. Marcelo Oliveira Santos, ao explicar sobre o trabalho do CIHDOTT ,enfatizou que a UTI do Hospital Evangélico é moderna e possui equipamentos para auxiliar de forma eficaz na ação de captação de órgãos, assim como uma equipe altamente qualificada.

Anteriormente à formação da Comissão Intra-hospitalar, o Coordenador do Pronto Socorro, Dr. Luiz Felipe Natel Kugler Mendes, realizava as abordagens às famílias, um trabalho que descreve como bastante difícil. “É preciso explicar com clareza tudo o que acontece para que as famílias entendam que estão beneficiando outras famílias e que é um gesto de solidariedade”, explica o Dr. Luiz Felipe, que hoje também integra a CIHDOTT.

A enfermeira coordenadora do CIHDOTT, Maria Josineide Rechetelo Favaro, chamou todos que fazem parte da Comissão à frente para receber o carinho e agradecimento de todos. A responsável pelo setor também comentou da beleza do gesto de ser um doador de órgãos. “Não pensem na doação de órgãos como oferecer uma parte sua para que um desconhecido possa viver; na realidade, é um desconhecido que oferece um corpo para que uma parte sua possa continuar vivendo”.

Ao final da celebração houve sorteios de camisetas da campanha de doação de órgãos e o Pastor Hilário Batista da Silva Junior encerrou deixando uma mensagem Bíblica a todos.